Ransomware e o trabalho remoto

Ransomware e o trabalho remoto

19/05/2020

Os últimos meses viraram o mundo de cabeça para baixo e não é novidade que a mudança para o trabalho remoto alterou radicalmente o cenário de cyber-ameaças. Entre outros, as pessoas responsáveis ​​pela proteção cibernética corporativa agora precisam considerar dois novos fatores: a distribuição geográfica da rede do escritório e a presença de computadores usados ​​para trabalhar em ambientes domésticos.

 

Ameaças na rede do escritório

Então agora seus funcionários estão trabalhando em casa, conectando-se remotamente à rede corporativa. Isso significa essencialmente que a rede de escritórios agora está distribuída por toda a cidade (talvez mais de uma). Isso significa que, se um ransomware infectar a rede, os computadores que estão a quilômetros de distância um do outro podem ser afetados.

Mesmo se você tiver backups de todos os computadores do trabalho, será necessário despachar o suporte técnico para a casa de todos os funcionários afetados ou levar fisicamente os computadores ao escritório. Nenhuma dessas opções é desejável em quarentena.

 

Redes domésticas ameaçadas

Muitas pessoas trabalham com informações da empresa em computadores domésticos. Você não pode ter certeza de quão bem eles estão protegidos, quem mais tem acesso a eles ou como esses usuários entendem as ameaças cibernéticas modernas. Em outras palavras, mesmo que todos os seus funcionários tenham sido treinados para reconhecer um anexo mal-intencionado, isso não garante que seus dados corporativos não serão afetados por culpa de outra pessoa da família do usuário principal.

Até mesmo os vizinhos representam um perigo em potencial. Em tempos de redes wi-fi, quem sabe quais outros dispositivos estão conectados aos roteadores dos seus funcionários e como estas pessoas configuraram o acesso a pastas compartilhadas?

Lembre-se também de que os cibercriminosos modernos tentam roubar dados antes de criptografá-los. E, no passado, se o computador doméstico de alguém era criptografado, o problema era puramente do usuário. Hoje em dia, o ransomware em casa pode fazer com que as informações confidenciais do trabalho caiam nas mãos dos cibercriminosos. Isso torna um ataque doméstico a um funcionário um problema corporativo – e com isso, seu problema.

 

Solução de segurança

É fato que a maioria das empresas que foram forçadas a enviar repentinamente seus funcionários para o mundo do trabalho remoto não possuíam orçamento para soluções de segurança adicionais, pelo menos não para o computador doméstico de todos os funcionários. Mas isso não é motivo para deixá-los desprotegidos. O Kaspersky Anti-Ransomware Tool for Business for Business é especialmente adaptado para lidar com ransomwares.

Primeiro, ele pode coexistir com a maioria das outras soluções, mesmo as de outras empresas, criando assim uma camada adicional de proteção. Segundo, recentemente ele foi atualizado com um recurso para proteção contra exploits (a maioria dos tipos de ransomware penetra no sistema através de vulnerabilidades não corrigidas). E terceiro, graças a este módulo, o Kaspersky Anti-Ransomware Tool for Business agora é ainda melhor na proteção de sistemas desatualizados, como o Windows 7, para os quais o suporte foi descontinuado no início deste ano.

Quer saber mais sobre como proteger a sua empresa? Então entre em contato com um de nossos especialistas e saiba mais sobre como a Kaspersky pode aumentar a sua segurança!