Home Office: As empresas estão preparadas?

Home Office: As empresas estão preparadas?

24/03/2020

[vc_row][vc_column][vc_column_text]

A crise da saúde causada pelo coronavírus já cada dia mais grave. Centros educacionais fechados, eventos esportivos sem audiência, conferências, congressos e consultas canceladas e muitas empresas vazias, com seus trabalhadores operando em casa.

Essas medidas restritivas colocaram muitos cidadãos em alerta. Dúvidas surgem, especialmente sobre como sua rotina profissional funcionará com sua empresa em regime de Home Office.

Estamos prontos para esta modalidade? A resposta para esta pergunta depende de muitos fatores. “Depende acima de tudo da infraestrutura da empresa e de como as coisas estão configuradas“, explica Carlos Marzo, chefe de engenharia de sistemas da Hiberus Tecnología.

As empresas que trabalham com ambientes em nuvem e aplicativos da Web estão tranquilas. Elas precisarão de nada mais do que um computador e uma conexão de rede para acessar suas ferramentas de trabalho e arquivos da empresa“, acrescenta Marzo.

E se a empresa tiver todos os seus arquivos em um servidor local?

Os “problemas” surgem quando a arquitetura de trabalho da empresa é uma solução híbrida – com itens na nuvem e no servidor local da empresa. Ou até mesmo quando é inteiramente baseada localmente. Nesses casos, é necessário encontrar uma maneira de o trabalhador acessar a empresa com segurança, para que seus arquivos não sejam expostos ao vasto universo da Internet.

O método mais simples de acessar o servidor local da sua empresa seria o estabelecimento de linhas de VPN – ‘Rede Privada Virtual’, em inglês. Elas fornecem acesso seguro e uma conexão criptografada ponto a ponto. Com redes VPN, o trabalhador tem acesso de sua casa a todos os recursos que ele teria no escritório. Seria uma experiência bem próxima ao presencial. No entanto,  esta solução apresenta duas dificuldades. A primeira é que configurar toda essa infraestrutura não é um processo rápido. A segunda é exigir que o trabalhador tenha uma poderosa conexão à Internet em casa.

No entanto, esse tipo de solução não é muito viável se o seu trabalho exigir o manuseio de arquivos ou aplicativos muito pesados ​​e que exijam máquinas mais robustas, como por exemplo, empresas dedicadas ao design e ao trabalho em 3D. “Para esses casos, a melhor coisa a se fazer é procurar uma solução de virtualização de desktop, ou seja, usar ferramentas que permitam conectar-se a um computador virtualmente“, diz Marzo. Essa solução de ‘desktop virtual’ tem a vantagem de não precisar de uma conexão à Internet, mas também é uma solução muito mais cara.

Uma última maneira seria converter recursos para a nuvem e disponibilizar seus recursos na nuvem pública, sempre, é claro, criptografando-os e tornando-os privados, disponíveis apenas para os trabalhadores. Essa infraestrutura é a mais rápida, pode estar em funcionamento assim que você a contratar.

É possível uma empresa colocar todos os seus funcionários em Home Office?

A primeira coisa a fazer, salienta Marzo, é identificar quais perfis podem trabalhar em regime de Home Office e quais não podem, verificando quais serviços precisam ser ativados.

Segundo o especialista, “praticamente não há empresa que não consiga disponibilizar aos seus funcionários um meio de trabalhar remotamente”, o que geralmente acontece é que esses meios são projetados para um pequeno número de pessoas..

Sendo assim, quais problemas uma empresa poderia encontrar?

Expandir a conexão de internet de uma organização da noite para o dia pode ser uma tarefa frustrante. As operadoras dificilmente poderão fornecer esse serviço tão rapidamente.

Mesmo no que diz respeito a equipamentos, as coisas podem ficar complicadas. Com a crise do coronavírus, comprar um laptop no momento está ficando difícil, porque muitas empresas estão comprando este tipo de equipamento. A parada industrial na China também afeta no suprimento desta demanda.

Essa crise pode ser um tapete vermelho para os cibercriminosos?

Obviamente, quando você simplesmente abre seus arquivos para o mundo, está também abrindo a porta e convidando todos os cibercriminosos. Mas não entre em pânico: com as medidas de segurança corretas, não haverá problema. No entanto, é necessário garantir que a comunicação entre sua equipe e o escritório seja criptografada e que tudo na nova rede seja configurado corretamente.

 

Fonte: 20 Minutos[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row]